quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Lo-Fi #01

Play na viagem,
o show, inicia.
Quando o som é bom,
ele vicia.
Droga boa, aperta,
puxa, prende e solta.
Música é diferente,
aperta, solta e volta.
Ondas sonoras, tô na onda,
que viaja entre neurônios,
revelando o que somos.
Composições, personagens,
alguns escondidos em escombros,
se perdendo entre sonhos.
.
Seus demônios,
em comunhão com os anjos.
Vivendo um pouco do abstrato,
quebramos contratos,
fazemos arranjos.
A dança exprime,
num movimento coordenado e sublime,
ou aleatoriamente realizado,
quando um corpo exaltado, comprime.
Meu dicionário denuncia.
e meu português entrega,
Faltam palavras para expressar,
é ai que o som se empodera.

Nenhum comentário:

Postar um comentário